Português

Trabalho: uma introdução

Breve introdução sobre trabalho feita por libcom.org, sobre o que nós pensamos que está errado com ele e sobre o que nós, como trabalhadores, podemos fazer sobre isso.

Classe: uma introdução

Uma explicação do que nós na libcom.org queremos dizer com a palavra "classe", e termos relacionados como "classe operária" e "luta de classes".

Estado: uma introdução

Breve introdução ao que nós do libcom.org entendemos quando nos referimos ao Estado e como pensamos que devemos nos relacionar com ele enquanto trabalhadores.

Partido e classe - Anton Pannekoek

Texto de Pannekoek, de 1936, que critica a ideia de partido e a ideia leninista de "vanguarda de revolucionários profissionais" por serem formas de destruição da luta de classes, de supressão da luta autônoma dos trabalhadores.

Os conselhos operários - Anton Pannekoek 

Texto de Pannekoek de 1936, em que se expõe como os conselhos operários surgem das necessidades dos trabalhadores em sua luta.

O novo blanquismo - Anton Pannekoek

O texto abaixo foi escrito por Pannekoek, em 1920, por ocasião da polêmica com os bolcheviques, na III Internacional. Então, a diferença entre comunistas de conselhos e bolcheviques era considerada fundamentalmente tática. Também reflete as tendências existentes no movimento operário alemão, que oscilava entre o economicismo autogestionário e o politicismo blanquista; entre a ilusão criada pela legalização dos conselhos operários sob a República de Weimar e a transposição para a Alemanha da concepção bolchevique da revolução proletária como tomada do poder por um partido. Apesar de seus óbvios limites, o texto continua válido e aplicável às situações revolucionárias atuais.

Velha e nova cultura - György Lukács

Texto de 1920 que analisa a cultura na sociedade capitalista. Analisa como a arte se separou da atividade produtiva cotidiana dos seres humanos sob a forma de produtos que não são mais produzidos e avaliados em razão de seu valor intrínseco (por exemplo, valor ético, valor artístico, valor humano, alegria), mas pelo seu valor de troca no mercado; de como isso aparece como "modas"; e de como, no comunismo, com o fim da economia, os seres humanos, suas atividades, seus produtos e seus desfrutes se tornam fins válidos por si sós.

Revolução - Jacques Camatte

Texto que levanta a questão da auto-emancipação do proletariado na era da subsunção real ao capital, em contraste com as lutas na era da subsunção formal ("velho movimento operário" com seu "reformismo revolucionário"). O texto defende que, na época da subsunção real, a revolução não é simplesmente uma questão política, mas concerne a uma total transformação no modo de produzir e viver

Guia introdutório libcom

Um conjunto de artigos introdutórios escritos ou compilados por libcom.org que explicam com clareza diversas questões, tópicos e ideias.

A Errância da Humanidade - Consciência Repressiva - Comunismo - Jacques Camatte

Texto que levanta interessantíssimas questões sobre a chamada "antropomorfose do capital", isto é, a integração dos seres humanos ao processo do capital e a internalização do capital nas mentes dos seres humanos.